5 mitos sobre os videogames (o N. 5 todo mundo já acreditou)

Postado em 31/05/2016.

Desde os primeiros anos de vida dos videogames, diversos jogadores passavam horas e horas na escola discutindo a respeito de alguns mitos existentes. No entanto, com a popularização da internet, vários desses jogadores se uniram e usaram seus conhecimentos para ir atrás dessas informações e eliminar os mitos existentes.

Então, acompanhe-nos agora e conheça os 5 mitos mais populares sobre os videogames. E ah, não esqueça de deixar o seu comentário! Vamos lá?

5. Tomb Raider e seu código de nude

Tomb Raider original

Em 1996, Tomb Raider foi uma grande revelação. Foi simplesmente um jogo fantástico, uma aventura estilo Indiana Jones que todos amaram. Havia ruínas antigas, tesouros mitológicos e dinossauros. Desde então, Lara Croft conquistou uma legião de fãs, tanto por conta da sua aparência (principalmente) quanto por sua personalidade.

Pouco tempo depois, começou a surgir rumores sobre um código que deixava a protagonista nua em Tomb Raider. No entanto, esse código nunca existiu, mas isso não impediu os jogadores de tentar. Códigos falsos e dicas de como deixá-la nua foram parar até em revistas de videogames, mas nada que realmente deixasse Lara nua.

4. Videogames são para crianças

videogames são para crianças

As crianças adoram jogar videogame? É claro que é verdade! Milhões de crianças em todo o mundo amam Mario, Sonic e Pikachu. No entanto, há muitos jogadores que cresceram jogando Mario Bros – ou outros jogos antigos – e que agora são adultos, mas mesmo assim ainda amam os videogames. De fato, a indústria dos videogames cresceu com cada um deles, oferecendo jogos mais realistas com o passar dos anos.

Segundo a Entertainment Software Association, apenas 18% dos jogadores atuais são menores de 18 anos. Sendo que 53% deles têm entre 18 a 49 anos e os outros 29% representam os jogadores de mais de 50 anos (sim, os gamers da terceira idade).

3. Videogames levam ao isolamento

videogame1

Os videogames nunca tiveram uma boa reputação com o público mais velho. Para alguns pais, os videogames levam ao isolamento, já que seus filhos vão para seus quartos e passam o dia todo olhando para a TV, ao invés de se socializar com amigos e familiares.  Mesmo que esse cenário possa ser verdade em alguns casos, a afirmação de que os videogames deixam as pessoas antissociais nunca foi verdadeira.

Graças à internet, os jogadores podem jogar uns com os outros de diferentes partes do mundo. Alguns jogos são projetados exclusivamente para o multiplayer o que, por muitas vezes, proporciona diversão com amigos distantes e novas amizades.

2. Chips de PlayStation 2 em um sistema de mísseis teleguiados

playstation 2 e terrorismo

No final do ano 2000, surgiram alguns boatos que Saddam Hussein, o presidente iraquiano, havia estocado pouco mais de 4 mil consoles. O PlayStation 2 era, afinal de contas, um videogame, nada além disso. Então, qual era o problema?

Na verdade, não havia problema algum, mas a mídia começou a divulgar que Hussein estava planejando utilizar de 10 a 20 consoles para criar um supercomputador, o qual seria poderoso o suficiente para lançar mísseis teleguiados. Segundo a mídia, o projeto consistiria em unir vários PS2 e usar seus processadores em conjunto. No entanto, para colocar tudo isso para funcionar, seria necessário um software exclusivo, algo que o Iraque iria levar anos para desenvolver após o lançamento do PlayStation 2.

1. Há milhões de cartuchos do Atari enterrado no Novo México

E.T_ATARI_cartuchos_enterrados

Este é um mito que pode ser considerado mais ou menos verdade, pois realmente existem alguns cartuchos de jogos do Atari enterrados no deserto no Novo México, mas as coisas não são como contam por aí, estilo lendas urbanas e com fundo sombrio.

Em setembro de 1983, 14 caminhões contendo algo em cerca de 10 milhões de jogos do Atari chegaram ao aterro de Alamogordo. Eles despejaram a carga lá e caíram fora, deixando no ar o nascimento de um dos primeiros rumores do mundo dos games.

O motivo por trás desse descarte é bem simples. A Atari teve um ano muito abaixo do esperado, simplesmente porque apostou pesado em duas coisas: a versão Pac-Man para o console e um jogo baseado no filme ET. Ambos os jogos não venderam quase nada e cerca de 5 milhões de cópias de cada um foram devolvidos para a empresa. E preso com milhões de cópias de dois jogos fracassados, a Atari optou por enterrá-los.

E você, já ouviu falar em algum desses mitos? Já acreditou em algum? Comente!




Comentários (0) Comentar

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!