5 jogos que você nunca vai querer jogar novamente

Existem jogos que você odeia e nem sequer joga, certo? E também existem aqueles que você acaba amando e, depois de zerar, nunca mais joga para manter a magia. É sobre esses que vamos falar!

Postado em 11/10/2016.

Alguns jogos são estruturados de tal forma que oferecem uma experiência grandiosa apenas uma única vez, mudando sua vida completamente após o fim de cada jogo.

Após investir mais de 50 horas em qualquer um desses jogos, estas verdadeiras obras de arte em forma de jogo vão deixar impressões duradouras e mudar a sua vida, assim como um grande livro ou filme clássico fez. E é sobre esses jogos que iremos falar no post de hoje. Acompanhe-nos agora e não esqueça de comentar. Vamos lá?

5. Journey

journey

Se você nunca jogou Journey, pare o que está fazendo agora e já inicie o download deste game, pois no exato momento em que estamos escrevendo este post, você pode pegar Journey gratuitamente na PlayStation Plus.

Journey é simplesmente um dos contos mais amados e mais belos distribuído em forma de game. Você vai terminá-lo em algumas horas e, em seguida, refletir sobre a experiência e aprendizados do game pelos próximos anos.

4. Abzu

abzu

Abzu foi comparado várias vezes com Journey, o que é justo, pois os dois jogos compartilham do mesmo diretor artístico e compositor. Abzu conta um conto curto e comovente sobre a conexão do homem com a natureza, com ambientações incríveis e uma narrativa sensacional.

Ao finalizar Abzu, você vai se sentir emocionalmente exausto e completamente inspirado. É o tipo de experiência que você deve guardar para a vida toda.

3. Everybody’s Gone to the Rapture

everybodys-gone-to-the-rapture

Everybody’s Gone to the Rapture é um jogo cheio de mistérios, no qual você passa boa parte do tempo tentando entender o que está acontecendo. Há momentos de beleza, paz e também confusão total. O jogo segue um ritmo bem lento, pois você vai precisar de muito tempo para digerir tudo o que aconteceu e está acontecendo aqui.

E por fim, como um bom mistério de assassinato, você vai criar de 3 a 4 teorias sobre o que está acontecendo antes mesmo de finalmente (e brilhantemente) finalizar o jogo.

2. Braid

braid

De forma bem simples (e ao mesmo tempo complexa), Braid conta a história de um homem cheio de amor e tristeza (ou seria obsessão e arrependimento?). O jogo em si é um veículo de mensagens, pois a sua mecânica de mudança de tempo e seus enigmas podem ser vistos como metáforas. Embora isso possa soar como um jogo melancólico, tudo presente nele é brilhantemente encaixado.

Braid coopera para que você só o jogue apenas uma vez. Seus puzzles são realmente difíceis, mas eles realmente são algo que vale a pena lutar – lembre-se disso.

1. The Last of Us

the-last-of-us

The Last of Us é, talvez, o dono da melhor história já contada em jogos. Se você ainda não o jogou até hoje, com certeza você terá vontade de zerá-lo várias vezes.

No entanto, não podemos contar muito sobre o enredo sem estragar os principais pontos da trama. Portanto, basta dizer que, quando o jogo termina, termina para você também. É uma história que ninguém esquece e, tecnicamente, ninguém quer jogar novamente para chorar de novo sobre o controle.

E você, já levou alguma lição para a vida por conta de algum jogo? Deixe seu comentário!




Comentários (0) Comentar

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!