Dark Souls III - Análise

Dark Souls III finalmente foi lançado e está do jeito que todo fã da franquia ama: extremamente difícil. Confira aqui a nossa análise do jogo.

Postado em 06/04/2016.

O mais novo Dark Souls finalmente foi lançado! Felizmente, Dark Souls III continua com sua fórmula original que perturba os jogadores com sua dificuldade intensa, algo que está presente desde a criação da série. No início do jogo, as coisas serão mais leves para começar, com muitas oportunidades para juntar almas e reforçar o seu herói, mas quando você entrar na parte mais obscura do jogo, o bicho vai pegar.

A sua viagem pelo reino de Lothric vai de fogueira em fogueira – os checkpoints do jogo. Navegando nas alturas e profundezas, o jogo é lindo graficamente, retratando perfeitamente ambientações sombrias e monstros mortais. E como já era de se esperar, é um desafio e tanto chegar até uma fogueira sem morrer várias vezes.

Os controles básicos são apresentados através de marcas de arranhões no chão, onde você também pode utilizá-las para orientar jogadores que estão no mesmo mundo que você (servidor online). Tome cuidado com estes rabiscos deixados no chão, pois eles podem avisar um perigo logo à frente e até mesmo lhe mandar para uma armadilha.

darksouls3analise_01

Sim, você vai morrer, morrer muitas vezes! No entanto, Dark Souls III apresenta uma dificuldade torturante, mas nunca impossível. Não é um argumento plausível falar que o jogo é injusto e impossível, mas a culpa de cada morte cai sempre sobre o jogador.

darksouls3analise_02

Dark Souls III oferece diversas classes de personagens, mas você não se sente preso à classe escolhida inicialmente. Sim, você vai ter opções como cavaleiro, pyromancer e muitas outras, mas esses modelos são meramente introdutórios para o jogo.

À medida que você progride no jogo e utiliza suas almas para subir de nível e aumentar os atributos, você vai perceber que sua classe inicial se transformar em uma criação original em torno de suas preferências. Se você começar como um feiticeiro, por exemplo, mas no meio do jogo decide utilizar um machado grande e poderoso, basta colocar alguns pontos em força, a fim de controlá-lo perfeitamente. Enfim, você pode ser um feiticeiro poderoso e carregar um machado gigante para as horas vagas.

darksouls3analise_03

Embora tipicamente sombrio, conversar com alguns NPCs quebra o silêncio inquietante no ar. No entanto, o silêncio é uma escolha magistral. Cada passo ouvido em uma sala além da sua visão lhe deixa atento. Dark Souls III não chega a ser um jogo assustador, mas quando você se depara com algum inimigo escondido, seu coração acelera e a ambientação silenciosa junto com a trilha sonora cria essa atmosfera.

Vale a pena jogar Dark Souls III?

Fãs da franquia Souls imediatamente vão comprar Dark Souls III, até mesmo antes de ler esta análise. Dark Souls III é uma aventura diferente de qualquer outro jogo da série, mas é meio que uma mistura de tudo que deu certo no clássico Dark Souls I e Bloodborne. O jogo em si não é muito colorido, mas sua ambientação e coloração criam ambientes incríveis. Enfim, se você é fã da franquia Souls ou simplesmente está à procura de um jogo realmente desafiador, Dark Souls III é ideal para você!

E você, o que achou de Dark Souls III? Comente!




Comentários (0) Comentar

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!